Freguesia de Bertiandos

Igreja Paroquial de Bertiandos

Igreja Paroquial de Bertiandos

Igreja Paroquial da PARÓQUIA DE BERTIANDOS (DIVINO SALVADOR)

HISTÓRIA ADMINISTRATIVA/BIOGRÁFICA/FAMILIAR

Na lista das igrejas situadas no território ao norte do rio Lima, mandada elaborar em 1258 por ocasião das Inquirições de D. Afonso III, Bertiandos aparece como uma das igrejas subordinadas ao bispado de Tui.

No Catálogo das mesmas Igrejas, organizado, no reinado de D. Dinis, em 1320, para pagamento de taxa, São Salvador de Bertiandos foi taxada em 80 libras.

Em 1444, D. João I conseguiu do Papa que este território fosse desmembrado do bispado de Tui, passando a pertencer ao de Ceuta, onde se manteve até 1512. Neste ano, o arcebispo de Braga, D. Diogo de Sousa, deu a D. Henrique, bispo de Ceuta, a comarca eclesiástica de Olivença, recebendo em troca a de Valença do Minho. Em 1513, o Papa Leão X aprovou a permuta.

Na cópia de 1580 do Censual de D. Frei Baltasar Limpo refere-se que São Salvador de Bertiandos era da apresentação do arcebispo e de padroeiros leigos.

Segundo Américo Costa, era abadia da apresentação alternada dos dois morgados, que eram ramos da Casa de Bertiandos.

Pertence à Diocese de Viana do Castelo desde 3 de Novembro de 1977.

HISTÓRIA CUSTODIAL E ARQUIVÍSTICA

Esteve na posse da igreja paroquial até à criação do Registo Civil, em 1911, publicada no Diário do Governo nº 41 de 20/02/1911. Nesta data as paróquias foram obrigadas, por lei, a entregar os livros de registo de batismos, casamentos e óbitos às repartições do Registo Civil. O Decreto-Lei nº 3286, de 11 de Agosto de 1917, que cria o Arquivo Distrital de Braga, estipula na alínea i) do art.º 1º que nele devem ser incorporados os cartórios paroquiais do distrito, nos termos do decreto 1.630 de 9 de Junho de 1915. No entanto, por despacho ministerial, e enquanto não foi instalado o Arquivo Distrital em Viana do Castelo, já então criado em 1965, aqueles arquivos foram sendo recolhidos pelo seu congénere bracarense. Finalmente, em 11 de Setembro de 1985, os livros e documentos dos arquivos paroquiais do distrito entraram, por transferência de Braga, no Arquivo Distrital de Viana do Castelo.



  • Morada:

© 2019 Freguesia de Bertiandos. Todos os direitos reservados | Termos e Condições

  • FTKODE